Alterações no Manual de Orientação e as Especificações do Arquivo Eletrônico da DIME

O Estado de Santa Catarina alterou o Manual de Orientações e as Especificações do Arquivo Eletrônico para Entrega da Declaração de Informações do ICMS e Movimento Econômico (Dime), aprovados pela Portaria SEF nº 153/2012.

(Portaria SEF nº 286/2014 – DOE SC de 12.09.2014)

Leia mais: http://legislacao.sef.sc.gov.br/html/portarias/frame_portarias.htm

Fonte: IOB Online

Postado em DIME | Deixe seu comentário

Questor Sistemas estará Presente no 24º EESCON

Inicia amanhã (17) o mais importante evento voltado ao segmento empreendedor contábil do Estado de São Paulo e o segundo maior do Brasil.

130_mailing_eescon_pre_2014

O SESCON-SP realizará, entre o dias 17 e 19 de setembro, em Campos do Jordão, a 24ª edição do Encontro de Empresas de Serviços Contábeis do Estado de São Paulo – EESCON, que terá como lema “Em busca de novos caminhos”.

A programação do encontro conta com uma rica grade de palestras, painéis e debates sobre assuntos técnicos, de gestão e motivacionais, comandados por especialistas e profissionais renomados, entre eles a empreendedora Bel Pesce, considerada uma das “100 pessoas mais influentes do Brasil”, e uma dos “10 líderes mais admirados pelos jovens”, e o empresário e navegador Amyr Klink, que conduzirá a palestra Magna do encontro no dia 19.
Paralelamente ao evento principal, será realizada uma Feira de Negócios, com diversos estandes de instituições e empresas de variados segmentos, nos quais haverá demonstração e comercialização de produtos e serviços de interesse do universo contábil.

O Questor Sistemas é um dos patrocinadores deste evento e convida aos participantes a visitarem o stand número 29, para conhecer a gama de produtos da família Questor, além do lançamento da mais nova ferramenta: QUESTOR ZEN, desenvolvido para organizar o escritório de forma ágil e fácil.

Realizado a cada dois anos, o EESCON se propõe a reunir empresários contábeis do Estado de São Paulo e de diversas partes do País para aprimoramento profissional, troca de experiências e debate sobre temas importantes que impactam diretamente a atividade contábil.

Postado em Comunicados, Contábil, Diversos, Questor Sistemas, Questor Zen | Tags | Deixe seu comentário

PARABÉNS. 15 DE SETEMBRO – DIA DO CLIENTE

129_mailing_diadocliente_2014

Postado em Agradecimento, Datas Comemorativas, Questor Tributário | Deixe seu comentário

Versão 1.1.113.0 – Questor Imobiliário

Liberamos a versão 1.1.113.0 do Questor Imobiliário. Para analisar a documentação das alterações e implementações ocorridas nesta versão clique aqui.

Postado em Nova Versão, Questor Imobiliário | Tags , , | Deixe seu comentário

Versão 1.1.99.4 – Questor Empresarial

No dia 03/09/2014 foi liberado a versão 1.1.99.4, diante todas as novidades que podem ser encontradas no menu Ajuda/O Que há de Novo, uma delas é a nova rotina de renegociação de títulos de contas a receber.

Essa rotina permite que o usuário do Questor Empresarial possa estar calculando juros, multas e descontos conforme negociação com o cliente, otimizando sua rotina financeira. Essa nova ferramenta permite que o setor financeiro da empresa faça a negociação e atualização dos valores de forma rápida, fácil e muito prática.

Para mais informações sobre essa novidade ou demais conforme versão, consulte o menu: (AJUDA – O QUE HÁ DE NOVO?)

Fonte: Equipe Questor Empresarial

Postado em Questor Empresarial | Deixe seu comentário

Versão 1.1.113.0 – Questor Tributário

Liberamos a versão 1.1.113.0 do Questor Tributário. Para analisar a documentação das alterações e implementações ocorridas nesta versão clique aqui.

Postado em Sem categoria | Tags , , | Deixe seu comentário

Cálculo 13º Salário

13º adiantamento (Tipo de cálculo 20)

É o pagamento da 1ª parcela. Podendo ser de fevereiro a 30 de novembro ou juntamente com as férias. (Obs: para que o pagamento da 1ª parcela do décimo terceiro salário seja pago no momento do pagamento das férias o colaborador deverá fazer a solicitação por escrito até o dia 31 de janeiro)
Deve ser feito a abertura de um período de cálculo específico para o adiantamento do décimo terceiro. Para inserir o período de cálculo, o Tipo Cálculo será o tipo 20 (13º salário adiantamento), definido o tipo de cálculo basta preencher a competência e a data de pagamento. A abertura deste período de cálculo pode ser realizada para um grupo de empresas utilizando o grupo de processamento, ou a seleção de empresas. Podemos realizá-lo de forma individual por empregado, pela seleção de empregados, por seleção de tipo de contrato, sindicato, também podemos efetuar o cálculo para diversas empresas ao mesmo tempo, através da seleção por empresa ou grupo de processamento.
Impostos:
FGTS será recolhido com a guia mensal
INSS em competência específica 13/2014
13º Integral (Tipo de cálculo 21)

É o pagamento da 2ª parcela. Deve ser pago até 20 de dezembro.
Deve ser feito a abertura de um período de cálculo específico para a segunda parcela do décimo terceiro. Para inserir o período de cálculo, o Tipo Cálculo será o tipo 21 (13º salário integral) que é utilizado somente para pagamento do 13º integral no mês de dezembro.
Impostos:
FGTS junto com a guia mensal
Sefip será somado o adiantamento + o integral em 13/2014
INSS deverá ser recolhido até o dia 20 de Dezembro ou conforme Convenção Coletiva do Trabalho.

13º Integral mês diferente de 12 (Tipo de cálculo 23)

É o pagamento da segunda parcela em mês diferente do 12, por exemplo se quiser fazer o pagamento em novembro.
Deve ser feito a abertura de um período de cálculo específico para a segunda parcela do décimo terceiro (quando pagamento da mesma não for no mês de Dezembro). Para inserir o período de cálculo, o Tipo Cálculo será o tipo 23 (13º salário integral(mês diferente de 12)) que é utilizado para pagamento do décimo terceiro integral entre os meses de fevereiro a novembro.
Impostos:
FGTS recolhe junto com a guia mensal
Dezembro irá gerar Sefip competência 13/2014
INSS deverá ser recolhido até o dia 20 de Dezembro ou conforme Convenção Coletiva do Trabalho.
Para realização do cálculo é preciso verificar alguns campos e configurações

* No Contrato do Empregado em Funcionários / Cadastros / Contratos de Empregados verificar o campo  Recebe 13o Salário deve estar como -SIM;

* Verificar na configuração do sindicato em: Cadastros / Sindicatos / Sindicatos as configurações que estão presentes na aba convenção, subtítulo 13° Salário e 13° Salário – Adiantamento.
Também verificar o campo: percentual adiantamento.

É possível estar cadastrando históricos para essas configurações, alterando as configurações de cálculo de um ano para o outro sem perder as configurações utilizadas.

Blog 2 - imagem 02

Mês Adiant. 13º – Neste campo o usuário poderá definir a política de pagamento do adiantamento do 13º salário dos empregados.

Processo Especial: O adiantamento do décimo terceiro será gerado separadamente da folha de pagamento, ou seja o usuário criará um cálculo só para o décimo terceiro, sendo emitidos recibos do décimo terceiro separadamente ao da folha de pagamento normal do mês. Se o usuário optar em incluir o adiantamento do décimo terceiro salário na folha de pagamento do mês, basta escolher o mês de fevereiro à novembro e definir o percentual a ser adiantado no campo a seguir. O adiantamento irá aparecer juntamente com a folha de pagamento do mês. Se a opção escolhida for de adiantar todos os meses, ou seja o Questor irá incluir juntamente com a folha de pagamento de cada mês 1/12 a título de adiantamento de décimo terceiro salário.

Permite Complemento:
É para pagar a diferença do adiantamento se o funcionário já recebeu no ano.

Adm.Ano Consid. Até 12:
NÃO ex: funcionário admitido 01/03/2013 adiantamento 07/2013 salário 1.000 / 12 *5/2 (1000/12=82,333 * 5= 416,6666 / 2= 208,333).
SIM ex: funcionário admitido 01/03/2010 adiantamento 07/2013 sal 1.000 /12 *10/2 (1000/12= 82,33 * 10= 833,33 /2 = 416,66).
Ou seja, se a opção for sim irá considerar da admissão até o mês de dezembro no pagamento da 1ª parcela do décimo terceiro salário e se a opção for não irá considerar da data de admissão até a competência que estiver sendo pago a 1ª parcela do décimo terceiro salário.

Média 13º Somente Ano:
Opção NÃO pegará os valores p/ média do ano anterior ex: adiantamento 07/2013 para média 07/2012 a 06/2013, opção SIM p/ média de 01/2013 a 07/2013.

Paga Média Adiant. 13º:
Neste campo o usuário optará por pagar ou não as médias no adiantamento de décimo terceiro salário.

Paga Adiantamento 13º nas Férias :
Se o adiantamento de décimo terceiro salário seja pago junto no recibo de férias.  Se informado SIM o sistema já irá sugerir no recibo de férias dos funcionários.

Desconsiderar Dia 31 13º Indenizado:
NÃO ex.15/07/2013 +30 indenizado = 6/12 término do aviso 14/08/2013
SIM ex: 15/07/2013 +30 = 7/12 ter. do aviso 15/08/2013.

Somar Reavido Férias/13º:
Sim ou Não (Salvo C.C.T).

Rescisão Fim Antecipado – Considerar Férias/13º:
Soma-se a metade dos dias e conta para os Avos.
* Em casos de funcionários em afastamento, verificar a situação que está configurada em Cadastro / Cálculo / Situações, e verificar o campo: Avo Sup. 15 Dias 13º:

 

Blog 2 - imagem 01

-para a situaçao 03: deixar como NAO
-para a situaçao 04: deixar como SIM
-para a situaçao 10: deixar como SIM
-para a situaçao 13: deixar como NAO
* Empregados Admitidos em Fevereiro

Verificar a configuração do sindicato  em: Cadastros \ sindicatos \ sindicatos e verificar na aba Convenções o campo: 13º Salário, parâmetro Admitidos em Fevereiro – Considerar Avo, que será utilizado exclusivamente para os empregados admitidos em fevereiro e para o cálculo do décimo terceiro salário, englobando décimo terceiro salário Adiantamento, décimo terceiros salário Integral e 13º Salário Proporcional.

Como se fará a contagem de dias em fevereiro, temos duas opções disponíveis:
Igual a 14 Dias Trabalhados no Mês: Caso o empregado possua 14 dias trabalhados em Fevereiro, para fins de 13º será considerado o avo.
Igual ou Superior a 15 Dias Trabalhados no Mês: Nesta situação para receber o avo de 13º de Fevereiro o empregado deverá ter 15 ou mais dias trabalhados.

 

Blog 2 - imagem 03

- Base de Cálculo
Integra-se à base de cálculo do 13º salário as verbas percebidas pelo empregado com habitualidade ou por força do contrato, como: horas extras, adicional noturno, gratificações etc. A integração de verbas habituais decorria de entendimento jurisprudencial predominante.

- Faltas Injustificadas
Se dentro de cada mês houver faltas com fração maior de 15 dias perde o avo de 13º. Os dias de DSR que não tiverem sido pagos ao empregado em virtude de falta injustificada ou de aplicação de punição disciplinar, não serão computados para a diminuição da contagem de avos para pagamento do décimo terceiro salário.

-Terá direito ao Avo o empregado que tiver 15 dias trabalhados no mês.
-13º Sobre o periodo de licença maternidade é pago pela empresa e compensado na guia de GPS;
-13º Para os empregados afastados por Auxílio Doença\Acidente de Trabalho\Aposentadoria por invalidez é pago pelo INSS;

Vídeos Folha de Pagamento – 13° Adiantamento

Está disponível na Central do Cliente Questor – CCQ, os vídeos de treinamento do 13° Adiantamento.

Os mesmos podem ser acessados pelo endereço:

http://central.questor.net.br/

Informar o login

Depois acessar a aba Biblioteca Virtual e no Menu Folha de Pagamento.

Os vídeos vem a auxiliar no cálculo do 13° Adiantamento, mostrando desde as configurações necessárias até as formas de cálculo e conferência, bem como,
o reflexo do cálculo do 13° Adiantamento nas rescisões.

Em breve será divulgada a vídeo aula do 13° Integral.

Fonte: Equipe Questor Sistemas

 

 

Postado em 13 Salário, Sem categoria | Tags , , | Deixe seu comentário

Utilitário – Correções Diversas

No módulo Gerenciador de Empresas do Sistema Questor existe uma ferramenta pouco conhecida pelos usuários do sistema que é o utilitário de correções diversas, o qual pode corrigir diversas situações na base do cliente sem precisar executar comandos ou qualquer alterações mais complexas.

O menu está disponível em Utilitários/Correções Diversas:

1

Através do menu é possível executar diversas rotinas:

2

Abaixo segue a descrição do que cada rotina realiza de manutenção no sistema:

1) Acerto do campo Contribuinte de ICMS nas Saídas: realiza acerto no campo Contribuinte de ICMS nas saídas do módulo Fiscal, verificando se o Cliente tem a inscrição estadual diferente de ISENTO.

2) Acerto do campo Alíquota ICMS (Zerar) nas Entradas e Saídas para Isentas e Outras: realiza acerto no campo da alíquota do ICMS nas entradas e saídas do módulo Fiscal, zerando esta alíquota quando não tiver base de cálculo, ou seja, quando o lançamento tiver apenas valores de isentas e outras.

3) Acerto da variável VlrContabil na Apuração dos Impostos Federais: realiza acerto na configuração para apuração dos impostos do módulo Fiscal, verificando se a natureza em questão apura ICMS substitui a variável vlrContabil para vlrContICMS, ou se apurar ISS substitui a variável vlrContabil para vlrContISS.

4) Acerto da variável VlrContabil nas Regras das Naturezas: realiza acerto nas regras vinculadas na natureza (acumuladores) do módulo Fiscal, verificando se a natureza em questão apura ICMS substitui a variável vlrContabil para vlrContICMS, ou se apurar ISS substitui a variável vlrContabil para vlrContISS.

5) Acerto do campo Estado de Origem nas Entradas e Saídas somente para Transportes: realiza acerto no campo Estado de Origem nas Entradas e Saídas do módulo Fiscal, verificando se a natureza em questão é de transporte, senão, este campo deve ser nulo.

6) Acerto das Saídas de ISS que estão como ICMS: realiza acerto nas Entradas e Saídas no módulo Fiscal, referente ao tipo do imposto, verificando se a natureza em questão é ISS e foi lançada como ICMS.

7) Acerto da variável VlrContabil nas Tabelas Contábeis: realiza acerto nas regras das tabelas contábeis do módulo Fiscal, verificando se a natureza em questão apura ICMS substitui a variável vlrContabil para vlrContICMS, ou se apurar ISS substitui a variável vlrContabil para vlrContISS.

8) Acerto Tipo Transf./Data Transf.(Históricos de Locais/Filiais): Em alguns casos de conversões o campo Tipo de Transferência poderia estar com valor incorreto ocasionando problemas.

9) Acerto Provisões após Demissão: Exclui as provisões de meses após a rescisão do funcionário, exceto no mês do pagamento da rescisão complementar, caso a mesma exista.

10) Acerto dos Históricos(Cargo, Escala, Local, Salário): Nas conversões foram encontrados alguns casos com a Data do Histórico inferior a Data de Admissão, neste caso são revisados e atualizados para a data da admissão (Locais/Filiais, Cargos, Escalas, Salários e Adicionais.

15) Excluir Contas Sintéticas dos Saldos Contábeis: Nas importações de dados que foram gerados os lançamentos contábeis e houve a necessidade de utilizar o troca plano podem terem sido gerados valores na tabela de saldos contábeis para contas sintéticas e estas informações geram distorções no arquivo do SPED Contábil. A finalidade desta rotina é corrigir estes registros, excluindo-os da tabela de saldos.

ATENÇÃO!!! É muito importante o usuário saber que essas rotinas são irreversíveis, não há como cancelar o processo feito. Serão alterados todos os registros da tabela correspondente e não há como filtrar por períodos.

Fonte: Equipe Questor

Postado em Questor Tributário | Tags , , | Deixe seu comentário

Regulamentação da Nova Lei do Simples

A Receita Federal, que abriga o Comitê Gestor do Simples Nacional, publicou nesta segunda-feira (8) a regulamentação da Lei n° 147, sancionada no início de agosto e que ampliou a gama de atividades que podem optar pelo regime diferenciado. Representantes do comitê gestor disseram à imprensa na quinta-feira (4) que a regulamentação vai esclarecer pontos da lei e detalhar os procedimentos para as empresas aderirem ao regime, que reduz a carga tributária e simplifica o recolhimento.

“O que [a regulamentação] traz é uma caracterização mais específica. Por exemplo, um item na lei diz que imóveis próprios tributados pelo ISS [Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza] podem optar pelo Simples Nacional. A regulamentação traz quais são esses imóveis próprios. Quadra de esporte, salão de festas”, exemplificou Silas Santiago, secretário executivo do Comitê Gestor do Simples. De acordo com Santiago, o Diário Oficial da União trará parte da regulamentação da nova lei no início da próxima semana. Uma segunda parte ficou para ser publicada até o fim do ano.

As atividades incluídas pela legislação podem optar pelo Simples a partir de 1° de janeiro de 2015. As alterações incluíram todo o setor de serviços, listando atividades como fisioterapia, corretagem de seguros, serviço de transporte de passageiros, medicina, medicina veterinária, odontologia, psicologia, psicanálise, terapia ocupacional, perícia, leilão, auditoria, economia, jornalismo, publicidade e outras. Também permitiram a adesão da indústria e comércio atacadista de refrigerantes. Atualmente, somente o comércio varejista tem a possibilidade de optar pelo Simples.

Ainda com relação ao setor de serviços, o limite de receita para exportações das empresas passará a abarcá-lo também. A partir de janeiro 2015, as empresas poderão auferir receita bruta anual de R$ 7,2 bilhões, sendo R$ 3,6 milhões no mercado interno e R$ 3,6 milhões em exportações de mercadorias e serviços.

A nova lei também faz mudanças na substituição tributária do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) , isentando algumas atividades. Substituição tributária é a tributação concentrada em uma única etapa do processo produtivo, considerada onerosa aos pequenos empreendedores. As limitações na prática de substituição, no entanto, só entram em vigor em 2016.

Fonte: Agencia Brasil

http://www.contabeis.com.br/noticias/19560/simples-nacional-cgsn-regulamenta-alteracoes-promovidas-pela-lc-no-1472014/

Postado em Fiscal, Simples Nacional, Super Simples | Deixe seu comentário

Cursos EAD Questor – Setembro 2014

127_mailingEAD_setembro_2014

Postado em CCQ - Central de Cliente Questor, Dicas, EAD - Ensino à Distância, Questor Tributário | Tags | Deixe seu comentário